sexta-feira, 9 de dezembro de 2011

Dia da Criança com Necessidades Especiais - 9 de Dezembro

Dia da criança defeituosa

A motivação para criar-se esta data é chamar a atenção para a criança defeituosa. Também é uma forma de refletirmos sobre como se pode oferecer melhorias para o desenvolvimento destas crianças, apesar das suas limitações.

São vários os tipos de deficiências que podem ocorrer a uma criança, e em qualquer fase da vida.
Geralmente, quando se fala em criança defeituosa, estamos nos referindo à crianças com malformações genéticas ou que sofreram alguma deformação durante o parto que pode ter sido Cesário ou normal, mas que causou sofrimento à criança.



Exemplos:

• Pé torto congênito;
• Microcefalia;
• Paralisia cerebral;
• Cegueira;
• Sindrome de Down;

A família

A família tem extrema importância na vida da criança, provendo a eles carinho, afeto, conforto e compreensão. Mas, também um ambiente favorável ao seu desenvolvimento e socialização.
No entanto, não é raro a família não estar preparada para lidar com a presença de defeitos no bebê tão aguardado. Da mesma forma, algum evento traumático ou adoecimento que torne a criança defeituosa, também afeta a família emocionalmente.

É necessário que já no hospital a família receba apoio do serviço social e da equipe médica, além de acompanhamento psicológico e indicação de grupos nacionais de familiares de crianças com o mesmo problema.

A escola

A escola deve estar preparada para receber a criança com defeito, tanto fisicamente, com espaços e acessos planejados, como profissionais habilitados para a função.
Deve se cuidar para que a criança se sinta incluída e parte da turma, não sendo discriminada de forma alguma.

A sociedade em geral

Não está isento de responsabilidade aquele que não possui pessoa defeituosa em sua família.
Temos todos o dever solidário e universal de solidariedade e igualdade.

Olhar uma criança defeituosa com desdém, pena ou preconceito é esquecer-se de que ali está um sobrevivente. Alguém que com limitações físicas ou psíquicas ou ambas se impôs a este mundo, contrariando o que poderia ter sido muito pior.

Fonte: Editoria HelpSaúde.
Quer fazer parte do nosso blog? Envie um artigo para artigos@helpsaude.com.

Nenhum comentário:

Postar um comentário