sexta-feira, 9 de dezembro de 2011

Dia do Fonoaudiólogo - 9 de Dezembro

Origem da data
Fonoaudiologia não é uma palavra complicada de se dizer. Ao contrário, ela descomplica! Fono significa Som, Audio significa Audição e Logo(ia) significa Conhecimento: som, audição e conhecimento nos integram ao mundo.
No Brasil, a profissão de FONOAUDIÓLOGO foi regulamentada em 09 de dezembro de 1981 e é por esta razão que nesta data comemora-se o Dia do Fonoaudiólogo, o profissional que cuida das nossas dificuldades de comunicação.

Curiosidade Histórica
O criador da Fonoaudiologia foi o grande orador e político grego Demóstenes (384 A.C – 322 A.C), que alimentou a esperança de ser um grande orador na infância e a gagueira o impedia. Com uma técnica intuitiva e de arte, colocava seixos na boca para melhor articular a sua gagueira. À força e perseverança, declamando poemas nas praias gregas, venceu o problema da gagueira. Assim, transformou-se em um dos maiores oradores que Atenas já ouviu em toda a história.
Hoje, a fonoaudiologia é estudada em 32 países, sendo o seu fato, a Linguagem Patológica, pesquisada cientificamente.

O que é fonoaudiologia?
É o estudo dos distúrbios da linguagem e trata a comunicação humana no que se refere ao seu desenvolvimento, aperfeiçoamento, distúrbios e diferenças. O fonoaudiólogo trata não só a fala e correção dos movimentos produzidos pelo movimento da face e da boca, na ação de mastigar e engolir, como também a leitura, escrita e a audição. Seu objetivo é o desenvolvimento e aperfeiçoamento da comunicação.
O curso de Fonoaudiologia tem duração de quatro anos contendo as disciplinas básicas das áreas de Medicina, Psicologia e matérias específicas de Física, Fonética e Lingüistica.


Qual a atuação do fonoaudiólogo?
Auxilia e cuida de profissionais que dependem da voz, como professores, políticos, locutores, artistas. Trata distúrbios da fala, como a popular “gagueira”, dislexia, problemas comalfabetização, comunicação de deficientes auditivos. Cuida de crianças com atraso ou deficiência na fala, e pacientes que por algum motivo perderam a capacidade de se expressar verbalmente. Atua também no trato com a voz, seja de forma a tratar problemas ou doenças ou também para aperfeiçoá-la.
De acordo com o Conselho Federal de Fonoaudiologia, as especialidades Audiologia, Linguagem, Motricidade Orofacial, Saúde Coletiva, Educacional e Voz fazem parte da área de atuação do profissional.
O fonoaudiólogo é um profissional da saúde e atua em pesquisa, prevenção, avaliação, diagnóstico e tratamento. Este profissional tem autonomia para atuar sozinho ou em conjunto com outros profissionais de saúde em clínicas, creches, escolas (comuns e especiais) e comunidades, incluindo o Programa de Saúde da Família, unidades básicas de saúde, hospitais, emissoras de rádio e televisão, teatro, atendimento domiciliar, empresas de próteses auditivas, indústrias, centros de reabilitação, ausência de fluência e clareza na fala.

Quando você deve procurar um fonoaudiólogo?
É fundamental buscar a ajuda profissional quando apresentar dificuldade de aprendizagem na leitura e escrita, rouquidão frequente, trocas na fala (troca o som do v pelo som do f), disfluência na fala (gagueira), dislexia, dificuldades auditivas e dificuldades de engolir, é sintomas mais frequentes.

E muita atenção com seus filhos!
Você deve solicitar ao seu pediatra que encaminhe seu bebê recém-nascido a um fonoaudiólogo especialista em audiologia para a avaliação da capacidade auditiva nos primeiros dias de vida e repetir o exame ao completar 1 ano de idade. Ao entrar em idade escolar, ou quando apresentar quaisquer sintomas como dor, sensação de ouvido tapado, tonturas, zumbidos (chiado), estalos, e dificuldades para ouvir, não hesite: procure o fonoaudiólogo.

Fonte: Editoria HelpSaúde.
Quer fazer parte do nosso blog? Envie um artigo para artigos@helpsaude.com.

Nenhum comentário:

Postar um comentário