Pular para o conteúdo principal

Postagens

Mostrando postagens de Junho, 2010

26 de junho - Dia Internacional de Combate às Drogas

Há 23 anos, a Organização das Nações Unidas (ONU) determinou 26 de junho como o Dia Internacional de Combate às Drogas. Essa campanha se torna indispensável, pois sabe-se que existem diversas formas de evitar e combater os prejuízos causados pelo consumo de drogas. Uma delas é através da conscientização. A campanha normalmente traz palestras referentes à temática de dependência química, exposição de trabalhos, apresentação teatral, além de depoimentos de ex-dependentes químicos. Atualmente, quase de 5% da população entre 15 e 64 anos usam drogas ilícitas pelo menos uma vez por ano. Cerca de metade dos usuários usa drogas regularmente; isto é, pelo menos uma vez por mês. Segundo relatório do governo federal sobre o consumo de drogas, álcool e tabaco, 49% dos universitários brasileiros já experimentou algum tipo de droga ilícita. É preciso compreender que as drogas são ilegais porque são um problema, e não, são um problema por serem ilegais. Os efeitos nocivos do consumo de drogas n

Vamos controlar o diabetes. Agora!

O Dia Nacional do Diabetes é comemorado, no dia 26 de junho, em parceria do Ministério da Saúde com a Organização Mundial da Saúde (OMS), devido ao aumento do interesse em torno do diabetes no mundo. A campanha é desenvolvida para dar informações e conscientizar as pessoas sobre a doença. Conhecer os riscos e sinais de alerta do diabetes, saber o que fazer e a quem consultar e, principalmente, ensinar a controlar a doença. O slogan deste ano é "Vamos controlar o diabetes. Agora". É importante saber que há dois tipos principais de diabetes: Diabetes tipo 1 - É uma doença auto-imune que resulta em destruição permanente das células beta do pâncreas, as quais produzem insulina. A diabetes tipo 1 é letal a menos que seja tratada com injeções de insulina, que substituem o hormônio deficiente. Diabetes tipo 2 - distúrbio metabólico caracterizado por qualquer tipo de resistência à insulina. Esta patologia está aumentando rapidamente no mundo desenvolvido, e existem evidências de qu

21 de Junho: Início do Inverno e Dia Nacional de Controle da Asma

As doenças respiratórias são mais intensas no outono e no inverno. Sabendo disso, foi estipulado o dia 21 de Junho como o dia Nacional de Controle da Asma. Essa data é de extrema importância para colocar a doença em evidência e informar a população sobre seu o tratamento. A asma é hoje uma das doenças mais prevalentes no mundo. É uma doença pulmonar caracterizada pela inflamação crônica das vias aéreas, que se estreitam e causam dificuldade respiratória. As pessoas confundem bronquite ou uma simples gripe com a asma. A população precisa saber o que é e como deve tratar a asma. Ela não tem cura, mas tem tratamento. Dificuldade de respirar, tosse, dor ou ardência no peito, expectoração freqüente e o famoso chiado, são alguns dos sintomas que caracterizam a asma. O tratamento da Asma deve ser feito permanentemente de forma profilática e não só nos momentos de crises. Classificada como leve, moderada ou grave, a asma não escolhe idade e embora se manifeste principalmente na fase infant

Doe sangue e faça alguém nascer de novo

Hoje, dia 14 de junho, comemora-se desde 2005 no Brasil, o Dia Mundial do Doador de Sangue. Esta data serve como mote para que se realizem grandes campanhas, coordenadas pelo Ministério da Saúde. A data visa homenagear e estimular os doadores de sangue. Este ano o lema é "Doe sangue, faça alguém nascer de novo". Até o dia 30, a campanha vai divulgar nas mídias convencionais depoimentos de pessoas que tiveram a vida salva por causa da transfusão de sangue. É importante que toda a população se conscientize da importância do Dia Mundial do Doador de Sangue. Esta data é uma possibilidade para enfatizar ainda mais por que é essencial que a doação seja altruísta e que haja doadores regulares para garantir a provisão de sangue seguro para todos os pacientes que precisem de transfusões. Por ano, 3,5 milhões de bolsas de sangue são coletadas no Brasil. Para aumentar este número, o ministério informa ainda que está realizando uma consulta pública sobre uma proposta para mudar as ida

Primeira etapa da vacinação contra a Poliomielite

Começa neste sábado, dia 12/06, a primeira etapa da campanha de vacinação contra a Poliomielite, em todo o país. Aproveitando o clima da Copa do Mundo, o tema deste ano será “Vacinou, é gol”. Nesta primeira fase, Serão distribuídas cerca de 24 milhões de doses da vacina contra a paralisia infantil, a meta é vacinar 14,6 milhões de crianças. A vacina é dada em gotinhas, e protege as crianças menores de cinco anos da famosa “paralisia infantil”. A poliomielite, ou “paralisia infantil”, é uma infecção viral aguda, causada por um poliovírus. Sua porta de entrada é a boca, percorrendo o corpo através do sistema sanguíneo, é caracterizada por febre, mal-estar, cefaléia e, como o nome popular já diz, pode causar paralisia. Além da vacina contra a poliomielite, as crianças que forem aos postos de saúde poderão colocar em dia sua caderneta de vacinação. Estarão disponíveis vacinas como a Tetravalente (contra difteria, tétano, coqueluche e hemófilo B), Tríplice viral (contra sarampo, caxumb

9 de Junho - Dia da Imunização

Hoje, dia 09 de Junho, comemora-se o dia da Imunização. É de fundamental importância a conscientização das pessoas quanto à necessidade de se prevenir. Em definição, imunizar é tornar o organismo resistente e capaz de reagir à presença de certos agentes (doenças, venenos de animais e outros). Nós temos dois tipos de imunidade: a natural, desenvolvida pelo próprio organismo e que protege as pessoas contra infecções e doenças, e a imunidade adquirida, aquela que o organismo desenvolve após receber vacinas e soros, conhecida também como imunização passiva. A maioria das pessoas já recebeu algumas doses de vacinas durante a vida. Desde crianças estamos acostumados com o ritual das gotinhas e agulhas. Agradável ou não, o fato é que são necessárias e são elas que promovem a imunização. A vacina foi criada em 1876, por Edward Jenner, e sua primeira implementação em escala planetária se deu com a da varíola, em 1956, com o patrocínio da Organização Mundial de Saúde (OMS). A vacina é uma su

6 de Junho - Dia Nacional do Teste do Pezinho

A triagem neonatal chegou ao país em 1976 e em 2008 ganhou do governo brasileiro uma data oficial. Domingo, dia 6 de junho, comemora-se o Dia Nacional do Teste do Pezinho, como é popularmente conhecida. Essa iniciativa busca instituir uma data comemorativa para lembrar e alertar as mães da necessidade de fazer o exame. O famoso teste do pezinho é um procedimento importantíssimo para todos os recém-nascidos. Realizado na primeira semana de vida, serve para detectar precocemente várias doenças que poderão interferir na vida do bebê e afetar seu desenvolvimento. Para os pediatras, o teste pode ajudar a salvar vidas. Ao identificarem uma doença antes que manifeste seus primeiros sinais permite o tratamento nas primeiras semanas de vida do bebê, possibilitando que ele cresça saudável, sem comprometimento do seu desenvolvimento físico, biológico, neurológico, psicológico e intelectual. O teste do pezinho é um exame muito rápido e consiste da coleta de gotas de sangue a partir de um único

Dia Mundial do Meio Ambiente - Muitas Espécies. Um Planeta. Um Futuro.

No dia 5 de Junho comemora-se o Dia Mundial do Meio Ambiente, que visa ser a maior celebração global para ações ambientais positivas, e é coordenado pelo Programa das Nações Unidas para o meio ambiente. Esta campanha busca chamar a atenção e ação política de povos e países para aumentar a conscientização e a preservação ambiental. O tema deste ano é "Muitas Espécies. Um Planeta. Um Futuro." - Uma mensagem sobre a importância central para a humanidade da riqueza de espécies e ecossistemas do globo. A partir de 1974, o Brasil iniciou um trabalho de preservação ambiental, através da secretaria especial do meio ambiente, para levar à população informações acerca das responsabilidades de cada um diante da natureza. Em outras palavras, procura mostrar o lado humano das questões ambientais; fazer as pessoas se tornarem agentes ativos do desenvolvimento sustentável e a entenderem que é fundamental mudar atitudes em relação ao uso dos recursos e das questões ambientais. Além disso,