quinta-feira, 25 de agosto de 2011

Guia Help Saúde > Família > Uso de medicamentos

Só porque os medicamentos existem não significa que eles sejam o tratamento ideal para todas as pessoas. O remédio precisa ser adequado para cada paciente e ser receitado por um médico.

A automedicação pode trazer complicações e sérios efeitos colaterais, por isso é preciso ficar atento e nunca tomar uma medicamento sem a autorização de um médico.

Mesmo os aparentemente inofensivos são capazes de gerar sérias conseqüências como, por exemplo, um descongestionante nasal que pode aumentar a pressão arterial. Os esteróides anabolizantes, que têm sido adquiridos sem receita e fora das farmácias, possuem efeitos colaterais gravíssimos, como a hepatite medicamentosa. Se injetáveis, podem até mesmo sujeitar o usuário a compartilhar seringas, com risco de contaminação com vírus da AIDS ou hepatite b. E até mesmo os antibióticos podem perder o efeito esperado e se tornem inúteis no tratamento de doenças específicas.

As pessoas que estão na terceira idade então, nem pensar em se automedicar. Os idosos precisam tomar mais remédios e eles podem reagir entre si, provocando efeitos colaterais.

Dicas do Help Saúde na hora de tomar remédios:

-Siga seu médico e a receita.

-Tome remédio com água, pois outros líquidos podem interferir na sua ação.

-Não corte ou prolongue tratamento sem conversar com o seu médico.

-Anote num papel os remédios diários.

-Use caixinhas para separar os remédios por horários ou dias da semana.

-Jogue fora os remédios vencidos.

-Guarde os remédios em locais apropriados.

-Olhe com a atenção a embalagem, conferindo o nome do medicamento.

-Informe a seu médico os remédios que toma e não omita a existência de vício ou dependência química.

Veja mais no blog sobre:

Hepatite

Regulamentação da venda de Antibióticos


Procure por um clínico geral em qualquer lugar do Brasil no Help Saúde.


Fonte: Editoria Help Saúde

Nenhum comentário:

Postar um comentário